terça-feira, 30 de junho de 2015

Um “Viva!” Para a ponteira de silicone

Por Dryelle Almeida



Não faz muito tempo e eu postei em minha FanPage essa imagem:




Dando um “Viva!” para a ponteira de silicone e alguns comentários chamaram muito minha atenção. Algumas meninas comentando na foto que suas professoras as proíbem de usar ponteiras de silicone. Oi ?!

Como assim?! ?! Eu fiquei me perguntando e ainda estou me questionando porque proibir o uso de algo que nos faz bem?
Sou do tempo da ponteira de pano, usei sim por muito tempo, não morri, mas machuquei muito o meu pé, tinhas muitas bolhas e sangrava, isso porque eu colocava duas ponteiras de pano! E já que inventaram algo melhor, que machuca menos os nossos pezinhos (que já são judiados), proibir o uso das ponteiras me parece um tanto quanto sem fundamento.

Gostaria de entender qual o motivo! Não é porque você (professora) não teve a sorte de usar as ponteiras que suas alunas também não podem usar. Essa é a minha opinião.

Porque não deixar cada uma escolher o que acha que é melhor para si ? Tem gente que pode preferir a ponteira de pano, outras pessoas preferem uma meia, mas acho que cada pessoa deve ter o direito de usar, preferir ou não. A não ser que fosse algo que faz mal para a bailarina, aí sim a professora pode interferir, mas muito pelo contrário neste caso. 

Pra que sofrer se podemos ajudar nossos pés!


Clique aqui para conferir as ponteiras de silicone que temos em nossa loja




 


2 comentários:

  1. Sou do tempo em que não existiam ponteiras. Enrolávamos algodam e gastávamos rolos e mais rolos de esparadrapos ou fita crepe na ponta. Por que não usar ponteiras? Porque nâo se beneficiar das boas invençoes? Não entendo. Os professores sofreram muito mais que os alunos, sim estamos em outra época. Mas que as meninas de hoje em dia possuem de culpa se antes não existiam as maravilhas da ponteira de silicone? É preciso evoluir, realmente "viva" as ponteiras!!!

    ResponderExcluir
  2. Eu sempre tive muito colo de pé mas pouca força. Achava incrível fazer aulas de ponta com a ponteira de silicone e sair com os dedos intactos.
    Contudo, não conseguia executar alguns passos, por mais q fizesse aulas de ballet todos os dias e preparação física 4x na semana.
    Bem, um dia, após observar o que grandes referências no ballet utilizavam - papel, por exemplo - decidi dar ouvidos à minha prof e fiz minha ponteira de meia calça.
    Foi incrível! Fiz td belamente! Meus pés não adormeceram e pude fazer tudo sem cair.
    Ganhei bolhas, mas as tive como troféus.
    No meu caso: viva as bolhas! Rs

    ResponderExcluir